Da cor do rubi

em
Levei a bebida aos lábios com uma cerimônia excessiva. A borda fria da taça repousou sobre meus dentes por breves segundos enquanto permitia que o cheiro do líquido rubro esquentasse meus pulmões. E minha memória.

A cidade à beira do rio dourado surgiu como fênix das cinzas a sobrepujar todos os meus sentidos e minha tentativa de esquecer seu encanto. De esquecer as ladeiras de pedra e as ruelas que nos prendem em um labirinto de azulejos e tijolos coloridos. De esquecer as casas de repouso com vidraças brilhantes e cortinas pesadas espremidas por casas que se estendem em torres a tentar alcançar o céu. De esquecer o canto das gaivotas anunciando o fim da tarde e o cheiro das castanhas estalando na lareira. De esquecer os martelos coloridos do São João e os sorrisos embalados pela música que atravessa as pontes e vai perder-se no mar. De esquecer o barulho do bonde amarelo em seu esforço secular a deslizar pelos trilhos em direção ao topo da subida dos Clérigos. De esquecer as varandas dos Cafés iluminadas pelo sol da manhã e a noite refletindo um emaranhado de luzes sobre a superfície da água na ribeira. De esquecer as pessoas. Ah, aquela gente como nenhuma outra…

Inclinei a taça em um movimento cuidadoso, instante derradeiro em que tomo ciência de que nunca esquecerei. A bebida se fez doce em minha língua e acariciou minha garganta com o calor dos  dias de verão que se aproximam.
Escondida nas taças de vinho do Porto está toda a sua cidade. Seu cheiro, seu gosto, seu som, sua forma. A reluzir da cor do rubi.

 

– BAH

Anúncios

10 comentários Adicione o seu

  1. Luniel Alof disse:

    Se eu tivesse um décimo dessa maestria meu livro seria outro. Muito melhor! Parabéns.

    Curtido por 1 pessoa

    1. BAH disse:

      Não sei nem como responder a isto, Luniel *-* Agradeço de coração pelas palavras de incentivo. Gostaria de conhecer teu livro! Beijos mil.

      Curtido por 1 pessoa

      1. Luniel Alof disse:

        Não agradeça, só continue nos emocionando com seus textos.
        Estou lançando o livro aos poucos no blog. Uma espécie de análise de mercado!
        Ficarei honrado se você puder ler ao menos uma parte dele!

        Curtido por 1 pessoa

      2. BAH disse:

        Nossa, não sabe como isso me motiva, Luniel. Agradeço muito! E não lerei parte, vou acompanhar inteiro, com certeza! Logo estarei comentando lá no seu blog ;D

        Curtido por 1 pessoa

  2. KAMBAMI disse:

    Ah, não sou especialista em vinhos, mas no sítio em Teresópolis e por ser mais friozinho, virava a noite olhando as estrelas e conversando com uma garrafa de vinho do Porto São José. Que delícia…
    Hoje não posso mais, mas ainda me sobraram as estrelas e me embriago nelas como sempre, viajando na velocidade da luz cruzo todo espaço e volto, observo sempre ao longe essa coisa brilhante, esse azul que me comove, albedo 0.39. 😉
    Adorei ler o que li, me fez relembrar e isso é muto bom e terá sempre seu lugar. Obrigado! 😉

    Curtido por 1 pessoa

    1. BAH disse:

      É sempre tão incrível receber esse tipo de resposta quanto aos meus textos, porque eu escrevo tanto para expôr o que sinto quanto para provocar os sentimentos e memórias dos leitores do blog e é muito bom saber que eles realmente se identificam. Adorei receber esse seu pedacinho de lembrança de presente e saber que o vinho do Porto também reflete momentos especiais para você 🙂 Então sou eu quem agradeço, de coração!

      Curtido por 1 pessoa

  3. Lindo, como sempre. As vezes eu invejo sua maestria com as palavras, sis. 🙂
    Que tal sairmos para tomar um vinho em terras cariocas?? Minha cidade também merece gerar boas memórias. HAHAHAHA
    Você tão portuguesa e eu tão brasileira. Aff 😉

    Curtir

    1. BAH disse:

      “Maestria” é uma palavra muito grande, sis. Mas obrigadíssimo!
      E super topo sairmos para construir boas lembranças.
      Fazer o quê? Nós não escolhemos o país pelo qual nos apaixonamos (ou escolhemos?) 😉

      Curtir

  4. leathehatless disse:

    O texto foi muito bem estruturado, gostei imenso da repetição.
    Espero que publiques mais textos em breve. =)

    Curtir

    1. BAH disse:

      Está nos meus planos! Muito obrigado pelas palavras 😀

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s